A cozinha brasileira tem portas e janelas, vez em quando é feita só de uma bancada e um fogão. Tem temperos frescos, fornos com a temperatura do magma da Terra, um freezer que parece ser o Alasca, uma geladeira com pudim de vó, uma coleção de panelas de barro, balanças que exalam futuro, facas que cortam medos. E, sobretudo, as cozinhas brasileiras tem alma. Como podes ver aqui. Nas imagens que também são movimento dentro das cozinhas e nos retratos de alma de quando toda aquela dança, toda aquela cor, todo aquele som se transforma em um prato que conta uma história diferente a cada pessoa que o degusta.